+351 213 245 000 info@avaclinic.pt

Doação de Óvulos

O que é um óvulo?

Um óvulo é uma célula sexual feminina que contém metade dos cromossomas existentes nas células do organismo humano e que ao ser fecundada por um espermatozóide irá dar origem a um embrião. A mulher já nasce com todos os seus óvulos, que por altura da puberdade são mais de 400 000. Ao longo da vida reprodutiva da mulher, 400 óvulos irão amadurecer e darão origem a ovulações, sendo que todos os outros se perdem.
 Nas mulheres com ciclos menstruais regulares, todos os meses é libertado um óvulo durante a ovulação. Habitualmente apenas um óvulo amadurece até essa fase, mas muitas dezenas de outros óvulos ficam imaturos, acabando por ser eliminados. Num tratamento com doação de óvulos é possível provocar o amadurecimento de cerca de uma dezena de óvulos, que serão depois colhidos e utilizados.

Indicações para a doação de óvulos

O tratamento com óvulos doados pode ser efectuado por vários motivos médicos:

  • Menopausa precoce – a falência precoce dos ovários (antes dos 45 anos) pode dever-se à remoção cirúrgica dos ovários, a insuficiência ovárica após tratamentos com citostáticos ou radioterapia ou por razões desconhecidas.
  • Ausência ou insuficiência congénita dos ovários que impede o amadurecimento de óvulos na mulher (como por exemplo no síndroma de Turner).
  • Em algumas situações de abortos espontâneos de repetição.
  • Na presença de certas doenças congénitas na mulher.
  • Em situações de insucesso repetido nos tratamentos de Fertilização in vitro (IVF) ou microinjecção (ICSI) com os próprios óvulos. Nestas situações, pode haver a confirmação de fraca qualidade dos óvulos e consequentemente dos embriões resultantes.
  • Em situações de maternidade tardia, quer seja pela existência de um novo relacionamento, quer pelo adiamento da maternidade por razões variadas. A partir dos 40 anos há uma diminuição do número de óvulos e a maior parte deles podem ter alterações genéticas, que podem inviabilizar uma gravidez normal.

Quem pode doar óvulos?

Podem doar óvulos mulheres física e psiquicamente saudáveis, com menos de 35 anos de idade, quer tenham, ou não, tido filhos e que não desejem engravidar de momento.
 As potenciais dadoras participam num rigoroso processo de avaliação médica e psicológica. É muito importante que a dadora perceba o alcance da sua atitude altruísta e que compreenda e aceite os riscos do tratamento. Uma dadora pode efectuar a doação até ao máximo de três vezes, segundo e legislação em vigor em Portugal. 
A maioria das dadoras sente-se muito realizada pelo facto de poder ajudar um casal infértil a formar família com o nascimento de uma criança que foi muito desejada. ♦