+351 213 245 000 info@avaclinic.pt

Inseminação Intrauterina (IUI)

A Inseminação Intrauterina está indicada para casais que estão a tentar engravidar há menos de 2 anos e que não tenham alterações graves no espermograma. As Trompas de Falópio têm que estar desobstruídas.

PDP8633

Na Inseminação Intrauterina, efectua-se geralmente uma leve estimulação ovárica para aumentar o potencial de resposta dos ovários. Esta deverá será avaliada por ecografia vaginal. Na altura da ovulação, a amostra de esperma é tratada no laboratório, de modo a obter os melhores espermatozóides, que serão introduzidos no fundo do útero, através de um cateter.

Em casos de ausência de espermatozóides do parceiro masculino, ou no caso de tratamentos de casais de mulheres e mulheres sem parceiro pode ser usado esperma de um dador.

A Inseminação Intrauterina é um método simples com taxas de sucesso à volta de 15-20% por cada tentativa. Por isso é razoável efectuar no máximo 3-4 inseminações, após as quais as taxa de sucesso diminuem, sendo preferível considerar a Fertilização in vitro (IVF). ♦